Translate

11/01/2011

Casada com um Borderline - Depoimento


"Viver com meu marido borderline é como o céu num minuto e o inferno no outro.

Eu chamo suas personalidades de Jekyll Alegre e Hyde Horrível. 

Eu piso em cascas de ovos tentando agradar uma pessoa que explode só porque eu falo breve demais, rápido demais, no tom errado, com a expressão facial errada – o que quer que seja!"

(fonte: trecho extraído do livro Stop Walking on Eggshells)

7 comentários:

Nadir Araújo disse...

Meu irmão é assim também.
Esse depoimento me faz lembrar um acontecimento da semana passada. Estávamos indo à praia: eu, ele, minha cunhada e uma amiga. Meu irmão começou a conversar determinado assunto e nós começamos a interagir com ele, só que do nada ele ficou extremamente irritado porque nós não deixávamos só ele falar. Tudo bem, ficamos caladas e cinco minutos depois que só ele falava ele explodiu porque nós não estávamos falando, segundo ele, não estávamos dando atenção a ele...

Alguém explica?!

Wally elsissy disse...

Mas ele é SEMPRE assim ou isso acontece quando ele está estressado com alguma coisa?

Carla Dias disse...

Conviver com um Borderline é uma aprendizagem contínua.
É verdade que estes doentes têm reacções desajustadas sem motivo aparente. Mas, com o tempo, a gente começa a perceber que tom de voz usar, que expressão facial mostrar, o que dizer e o que calar, consoante as situações aparecem.

Mas nem todos os que às vezes ficam irrascíveis sofrerão desta doença.
Toda a gente tem dias bons e dias maus.

Nadir Araújo disse...

Ele é sempre assim, a gente nunca sabe o que o agrada ou não. Até quando a gente tenta não fazer as coisas que ele diz que o irrita, ele diz que estamos irritando...

Wally elsissy disse...

Nossa Nadir, difícil heim?
Ter que estar sempre atento para não desagradar o outro é muito desgastante.

Wally elsissy disse...

Carla, tem razão.
É preciso cuidado pra não confundir os sintomas do TPB com outros traços de personalidade ou ainda circunstâncias específicas.

Anônimo disse...

perfeita a colocação retirada deste livro que eu já estou muito ansiosa para ler!
Bem este lugarzinho tem me ajudado muito e acredito que outras pessoas também sou ex -esposa de um border e me sentia exatamente assim!
Um dia ao sussurrar em seu ouvido ele foi extremamente indelicado ordenando que eu me afastasse pois eu gritei em seu ouvido!Mas na verdade eu percebi que ele estava com raiva porque era um beijo de despedida!Fui casada com uma pessoa assim,hoje eu oro...de long, pois foram muitos momentos como estes!As discordâncias então viravam um verdadeiro cápitulo interminável,ele tinha o poder de ficar até 3 ou 4 da manhã defendendo os seus valores afim de que eu cedesse!
Ele me envolvia em uma montanha russa um dia um verdadeiro princípe e no mesmo dia ...diretamente para o caos ,os dois extremos as duas faces,o sofrimento vêm quando agente se dá conta de que para terminar com uma dessas faces precisa se livrar da outra!
Mas os momentos de prazer acabam ficando pequenos perto da proporção agressiva das atitudes border!Espero que vc continuem tentando e aprendendo !Abraços afetuosos!Anna

Postar um comentário

Visitas Recentes

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...