Translate

25/05/2011

Como se Livrar da Acne

Se você é um adolescente ou um adulto com acne, você não precisa conviver com ela. Veja neste artigo algumas maneiras de se livrar da acne. 

1. Não fure, pressione, esfregue ou manipule de qualquer forma as suas espinhas. Se você fizer isso, arrisca espalhar as bactérias e aumentar as chances de cicatrizes;

2. Use um produto que não requeira receita médica e contenha peróxido de benzoil; use uma ou duas vezes ao dia. Ajuda a romper a cobertura formada por células mortas da pele, bactérias e gordura que obstruem os poros e formam uma marca de acne. E também mata as bactérias. Comece com uma concentração mais baixa, e aumente gradativamente;

3. Tente produtos que não requeiram receita médica e contenham enxofre ou resorcinol, que ajudam a desobstruir as glândulas de gordura pela irritação da pele. Entretanto, a maioria dos dermatologistas acredita que o peróxido de benzoil é o ingrediente mais efetivo para a acne que não requer receita médica;

4. Não trate apenas a acne; coloque também o produto em áreas propensas a terem acne. Isso pode incluir o seu rosto todo (evite os lábios e os olhos), as costas e o peito;

5. Vá devagar com o seu rosto. Lavar remove gorduras da superfície da pele, não de dentro de dutos obstruídos. De fato, se você for muito agressivo em sua busca por limpeza, você pode acabar secando ou irritando a pele sensível do seu rosto;

6. Lave corretamente uma ou duas vezes ao dia, usando um sabonete suave, e esfregue levemente com as pontas dos seus dedos e água morna. ‏Se a sua pele for oleosa, use um sabonete com peróxido de benzoil, por suas propriedades secantes;

7. Não use escovas, esponjas ásperas, grânulos de limpeza ou cascas de nozes, ou qualquer coisa semelhante sobre a pele delicada do rosto;

8. Não use produtos oleosos, como cremes a base de óleo para o cabelo, hidratantes faciais a base de óleo, ou produtos para limpeza facial oleosos;

9. Use maquiagem a base de água;

10. Não faça tratamento facial. Você pode acabar fazendo mais mal do que bem;

11. Não apóie o seu queixo nas suas mãos ou toque constantemente o seu rosto;

12. Proteja a sua pele do câncer e rugas sem agravar a sua acne escolhendo um protetor solar não oleoso com FPS igual a 15 ou mais alto;

13. Não se preocupe com o que você come, a menos que você note uma correlação entre um alimento em particular e as erupções da sua pele;

14. Cuidado com o iodo, que pode ser encontrado em várias vitaminas e sal iodado. Alguns médicos acreditam que o iodo pode estimular a acne.

3 comentários:

Anônimo disse...

Olá,sou a menina de 14 anos.
Então,eu fiquei muito preocupada quando no teste disse que poderia ter TPB,porém sou adolescente e grande parte das minhas respostas,tem haver com isso.
Nunca me achei estranha ou diferente.Mas desde que eu fiz o teste,me sinto estranha, analiso cada coisa que faço,pensando se isso é border ou não.Tô confusa.

Queria saber se não tem como saber se você vai ter TPB no futuro ou não.Não há nenhum teste para adolescente para ver se no futuro eles poderão ter TPB?

Fico na dúvida,tenho TPB?Não,porém vou ter?As vezes penso não.Mas ai de noite,eu fico triste e penso que sim.

E queria saber também: Um border é border 24h por dia?Digo,ele se "lembra" que é border toda hora,ou só com quando tem crises ou algo do gênero.Tem como a pessoa viver normalmente?

Eu nunca me suspeitei bipolar,border então nem se fala.Eu refiz o teste e disse que ta tudo "normal" não tenho TPB,analisei cada resposta e vi porque tinha marcado aquilo.

Uma coisa que me preocupa,é o medo do abandono.Sempre tive esse medo,porém,é diferente do border.

O meu medo é: todas as pessoas que amo morrerem,e eu ficar sozinha no mundo sem ninguém MESMO,depressiva.

Queria ir num psicólogo/psiquiatra ou terapeuta.Mas não sei como peço isso pra minha mãe.Não tenho intimidade com ela,e não sei como dizer isso,e nem sei o que faria se fosse em um,na verdade nem sei em qual ir,mas acho que um psicólogo seria bom.

Enfim,eu sei que ficou longo,mas to confusa demais.

Reflexões Borderline disse...

Olá,

Então... você tem que ter paciência.
Agora, com a sua idade, não poderá ser feito um diagnóstico adequado.
Provavelmente nenhum médico vai arriscar.

Claro que tem como um border viver normalmente.
Desde que acerte o tratamento e siga direitinho as instruções do médico.

Está claro que você está incomodada com alguma coisa e de fato um psicólogo te ajudaria muito.
Tem certeza que não consegue falar com sua mãe?

Se não, peça a uma amiga pra ir com você a um médico psiquiatra do SUS mesmo.
Eu me trato pelo SUS e estou bastante satisfeita com o tratamento.
Se ele achar necessário vai te encaminhar pra um psicólogo e vc não terá que pagar nada.
Talvez tenha que esperar um pouco, pois há uma lista.

Procure o CAPS da sua cidade (a parte do SUS que trata casos psiquiatricos) e marque uma triagem.

O medo que você tem é SUPER normal.
Não conheço ninguém que não tenha passado por isso.

A morte é algo que vai contra a nossa natureza e é normal temê-la.

O que não pode acontecer é esse medo começar a te atrapalhar no dia a dia.
Não se prenda ao resultado do teste.
Lembre-se que você tem apenas 14 anos.
Você tem que ver o que está te incomodando e levar os sintomas a um médico.

Se não tem coragem de pedir a sua mãe, converse com uma amiga e peça ajuda.

bjos e boa sorte!!!!

hacker total disse...

vlw muito boa essas dicas vlw

Postar um comentário

Visitas Recentes

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...