Translate

02/02/2011

Borderline & Auto-Mutilação

Da série: Termos de busca
Termo de busca escolhido: borderline sempre se fere?

Não. Nem sempre um borderline se fere literalmente.

Mas alguns profissionais afirmam que não apenas o cutting o ato de auto-cortar-se se encaixa na categoria de auto-mutilação. 

Outros comportamentos que colocam a vida em perigo, tais como praticar sexo sem proteção e dirigir em alta velocidade também podem ser considerados comportamentos auto-mutilantes visto que de certa forma o borderline está fazendo mal a si próprio propositalmente.

Detalhe: nem sempre o border tem plena consciência que está colocando sua vida em risco quando age dessa forma.

Wally

11 comentários:

Aysha@ disse...

Mas toda pessoa com transtorno border se auto mutila?? ou são só pessoas que ainda não se tratam?

Wally elsissy disse...

Não nem todos... mas a maioria.
Eu nunca me auto-mutilei, mas costumava dirigir em alta velocidade... e meu médico disse que é a mesma coisa.

Carla Dias disse...

A minha filha se auto-mutilava muito.
Começou muito nova... tinha 12 ou 13 anos...
Demorou anos até diagnosticarem sua perturbação.
Hoje ela faz tratamento diário num Hospital especializado.
Continua carregando consigo, todo os dias, os objectos de auto-mutilação (faca, tesoura, vidro, navalha, etc), mas já só acontece quando a dor é muito grande.
Hoje ela tem 23 anos.

Wally elsissy disse...

Carla, ainda bem que se tornou menos frequente, né?
Tenho certeza que dói muito mais em você do que nela =/

Simplesmente Josi... disse...

A mutilação me acompanha... infelizmente! Mas tb vivo colocando a minha vida em risco, e de propósito mesmo... não gosto de viver!

Wally elsissy disse...

Josi, é importantissimo que você comunique isso a seu terapeuta e a seu psiquiatra também!!!

Fico triste quando vejo que você está desanimada. =(

Anônimo disse...

Só quem se automutila sabe isso... o sentimento de vazio, de incompreensão, medo...

G disse...

Concordo com o q o Anônimo disse!
A dor é tão intensa e parece q qndo a gente se auto-mutila (odeio essa palavra), as coisas melhoram, esse é o penúltimo passo q eu dou antes de tentar algo mais drástico, se isso funcionar ótimo, se não, q Deus me ajude, as x chego a ficar cega, vou e faço mesmo o q tenho q fazer p/ aquele sentimento de rejeição, vazio, passar.
As x me sinto a unica pessoa no mundo sendo TPB, parece q só eu sou assim, parece q explico como sou p/ os especialistas, mas tenho as x a sensação de estar falando grego, q raiva q me dá!

Anônimo disse...

Meus amigos por favor não façam isso, a vida é tão boa, tudo é tao maravilhoso vocês são jovens lindos aos quais deu a vida de presente, aproveitem, amo vocês amo todo mundo sou feliz viva a vida beijos fiquem com Deus.

Lavínia Moscow disse...

Ferir a pele espremendo espinhas também conta como auto-mutilação? Tenho me identificado muito com os sintomas do borderline. Minha mãe já perguntou se eu me odeio de tanto que espremo minhas espinhas. Ás vezes tento tirar o que não tem :/
Bjs, Lavi.
acidia28.blogspot.com/

Wally Osvanilda disse...

Acho que depende da frequência e da intensidade pode ser considerado sim, Lavínia, pois até dirigir em alta velocidade é contado dentro desta categoria.
Mas só analisando o caso de perto para poder responder com mais segurança.

Independente de ser ou não, se você sente que algo está lhe incomodando, deve buscar a ajuda de um profissional. Um psiquiatra e/ou terapeuta. Vai depender dos seus sintomas.

Bjos

Postar um comentário

Visitas Recentes

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...