Translate

14/03/2012

Quando um border desiste de lutar...

Da série: Comentários que Merecem Destaque
Comentário feito nessa postagem aqui.

Espero de coração que consigam tratamento para esse transtorno. 

Mas vou contar minha experiencia com meu filho.
 
Apos três tentativas de suicidio em seis anos, ele faleceu aos vinte e nove anos, menos de um mes atrás vitima de suicidio por enforcamento.

Tentei de tudo. Psiquiatras, psicoterapias, centenas de remédios e nada resolveu.

Ele sempre me disse que não queria se curar. Que queria morrer.

Durante todas as tentativas, falhas internações, UTIs, lagrimas e dor, deixei muito claro o quanto o amava e meus braços estavam sempre abertos a ele.

O que me resta e faz levantar a cada dia é saber que ele sabia que eu o amava incondicionalmente, apoiava.

Ele me pediu que viva, que tome meus remédios, faça ginastica, me alimente... e é o que estou fazendo. Apenas esperando o momento de nos encontrarmos novamente.

Entao este é o meu conselho, de quem viveu na pele por anos o sofrimento de ver o sofrimento de meu filho:

Deixe sempre claro que o ama muito e que nunca o abandonará aconteça o que acontecer...

2 comentários:

Hamires Cristine Ferreira disse...

Que dor isso dá! =(

Srta Solidão disse...

Muito triste.

Postar um comentário

Visitas Recentes

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...